People commented the post

Posts related

Urgente!
Conversas entre promotor e juiz da operação lava-jato vazam!
.
Juiz Sergio Moro mantinha contato com Deltan Dellagnol sobre operações da lava-jato!
.
Pensamos que, caso confirmadas as conversas, cairia por terra toda e qualquer possibilidade de imparcialidade do julgador!
.
Vamos aguardar o desfecho!

Urgente! Conversas entre promotor e juiz da operação lava-jato vazam! . Juiz Sergio Moro mantinha contato com Deltan Dellagnol sobre operações da lava-jato! . Pensamos que, caso confirmadas as conversas, cairia por terra toda e qualquer possibilidade de imparcialidade do julgador! . Vamos aguardar o desfecho!

Importante! 
#Repost @aurylopesjr
・・・
Interessante. Mas penso que pode haver muita discussão sobre as diferentes situações que podem surgir. Uma distinção deve ser feita quando alguém é preso em situação de flagrância, em que qualquer pessoa pode realizar a prisão, e apresentada para autoridade policial, nos termos do art. 301. Essa prisão e posterior apreensão é válida. Aqui era um caso de flagrante por crime permanente, onde sempre se aceitou. Não li o acórdão porque ainda não está disponível, mas me parece que eles consideraram ilícita a busca feita pelo agente particular e, por contaminação, a apreensão. Então não aplicaram a tese tradicional do crime permanente=flagrante permanente. É uma decisão interessante, que vai causar polêmica. Vou aguardar para ler o voto, mas já fica a dica....

Importante!  #Repost @aurylopesjr ・・・ Interessante. Mas penso que pode haver muita discussão sobre as diferentes situações que podem surgir. Uma distinção deve ser feita quando alguém é preso em situação de flagrância, em que qualquer pessoa pode realizar a prisão, e apresentada para autoridade policial, nos termos do art. 301. Essa prisão e posterior apreensão é válida. Aqui era um caso de flagrante por crime permanente, onde sempre se aceitou. Não li o acórdão porque ainda não está disponível, mas me parece que eles consideraram ilícita a busca feita pelo agente particular e, por contaminação, a apreensão. Então não aplicaram a tese tradicional do crime permanente=flagrante permanente. É uma decisão interessante, que vai causar polêmica. Vou aguardar para ler o voto, mas já fica a dica....

Dica rápida sobre norma penal em branco!

Dica rápida sobre norma penal em branco!

O caso Neymar, a síndrome da mulher de Potifar e a Alienação Parental
-
Nos últimos meses crescem as denúncias e notícias de graves crimes cometidos por homens contra as mulheres, seja no seio familiar, entre marido e mulher, entre namorados ou pessoas que tiveram relacionamentos curtos.
-
Casos de assassinatos por ciúmes, pela negação ao término de um relacionamento ou pelo sentimento de superioridade em relação às mulheres. Todos os dias dezenas e milhares de mulheres são assassinadas ou espancadas apenas por serem mulheres.
-
Esses crimes tem gerado uma grande mobilização nacional e mundial contra esse sentimento animalesco de superioridade e subordinação, que muitas vezes são levados às mídia e às redes sociais, se propagando tão rápido quanto podem através da internet, gerando comoção instantânea, levando milhares de mulheres às ruas todos os dias em busca de justiça e conscientização.
-
Entretanto, essa midiatização instantânea, tem gerado, algumas vezes,  em meio a tantos casos de violência, casos em que a as pessoas, que geralmente seriam vítimas, buscam, em decorrência dessa midiatização, vantagens sobre aqueles que geralmente seriam tidos como agressores, para obter uma vingança, em decorrência de alguma relação conturbada entre ambos, gerando assim, em um primeiro momento, uma comoção imediata da sociedade, para fins ilegais.
-
Crimes que são cometidos sempre de maneira silenciosa e clandestina, longe das vistas e dos ouvidos das pessoas, e em decorrência disso, faz com que a mera palavra da vítima seja suficiente para iniciar a investigação policial, o processo penal e embasar uma condenação criminal, além de não deixarem vestígios materiais que possam comprovar a prática delituosa.
-
Potifar foi um personagem bíblico importante que tinha um escravo chamado José que cuidava de seus bens; certo dia a mulher de Potifar, viu-se atraída por pelo escravo, querendo ter com ele relações sexuais, no que foi rejeitada por José. Ao ser rejeitada, a mulher de Potifar, por vingança armou para o escravo, que, quando este entrou em casa foi agarrado e teve suas vestes arrancadas pela mulher que começou a gritar alegando que o Escravo José havia lhe estuprado.

O caso Neymar, a síndrome da mulher de Potifar e a Alienação Parental - Nos últimos meses crescem as denúncias e notícias de graves crimes cometidos por homens contra as mulheres, seja no seio familiar, entre marido e mulher, entre namorados ou pessoas que tiveram relacionamentos curtos. - Casos de assassinatos por ciúmes, pela negação ao término de um relacionamento ou pelo sentimento de superioridade em relação às mulheres. Todos os dias dezenas e milhares de mulheres são assassinadas ou espancadas apenas por serem mulheres. - Esses crimes tem gerado uma grande mobilização nacional e mundial contra esse sentimento animalesco de superioridade e subordinação, que muitas vezes são levados às mídia e às redes sociais, se propagando tão rápido quanto podem através da internet, gerando comoção instantânea, levando milhares de mulheres às ruas todos os dias em busca de justiça e conscientização. - Entretanto, essa midiatização instantânea, tem gerado, algumas vezes, em meio a tantos casos de violência, casos em que a as pessoas, que geralmente seriam vítimas, buscam, em decorrência dessa midiatização, vantagens sobre aqueles que geralmente seriam tidos como agressores, para obter uma vingança, em decorrência de alguma relação conturbada entre ambos, gerando assim, em um primeiro momento, uma comoção imediata da sociedade, para fins ilegais. - Crimes que são cometidos sempre de maneira silenciosa e clandestina, longe das vistas e dos ouvidos das pessoas, e em decorrência disso, faz com que a mera palavra da vítima seja suficiente para iniciar a investigação policial, o processo penal e embasar uma condenação criminal, além de não deixarem vestígios materiais que possam comprovar a prática delituosa. - Potifar foi um personagem bíblico importante que tinha um escravo chamado José que cuidava de seus bens; certo dia a mulher de Potifar, viu-se atraída por pelo escravo, querendo ter com ele relações sexuais, no que foi rejeitada por José. Ao ser rejeitada, a mulher de Potifar, por vingança armou para o escravo, que, quando este entrou em casa foi agarrado e teve suas vestes arrancadas pela mulher que começou a gritar alegando que o Escravo José havia lhe estuprado.

#Repost @aurylopesjr 
Min. Nefi Cordeiro, preciso e certeiro! Não devemos pensar que o julgador irá atender os anseios da sociedade na busca pela justiça. Devem ser respeitadas as garantias e não impor medidas de extrema gravidade aos indivíduos que respondem ao processo criminal de maneira desacerbada.

 #Repost @aurylopesjr Min. Nefi Cordeiro, preciso e certeiro! Não devemos pensar que o julgador irá atender os anseios da sociedade na busca pela justiça. Devem ser respeitadas as garantias e não impor medidas de extrema gravidade aos indivíduos que respondem ao processo criminal de maneira desacerbada.

Será o fim de Vossa Excelência e Excelentíssimo?? Link do decreto: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/decreto/D9758.htm

Será o fim de Vossa Excelência e Excelentíssimo?? Link do decreto: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/decreto/D9758.htm